Escorpião amarelo: saiba quais os sintomas da picada deste animal

40
Rate this post



Picada pode levar à morte, mas reações dependem da quantidade de veneno.

TV Brasil, EBC, TV Pública, escorpião, picada de escorpião

Veja mais artigos sobre outros Entretenimento
:https://laidleyview.com/entretenimento

Fonte do artigo
:https://laidleyview.com/

40 Comments

  1. Eu crio um desses amarelo no aquario, alimento ele com grilo e batatas acho um animal extremamete bonito e intetessante. Parece um robozinho ele tem ate duas ventuinhas no peito.

    Reply
  2. Meu marido acabou de ser picado! Mais por ser teimoso e birrento não quer ir ao hospital… Por isso tbm não vou me importa, se morrer vai fazer falta, mais vou sobreviver.

    Reply
  3. A poucos dias ao acordar olhei no chão do quarto e tinha um escorpião amarelo enorme ele estava tipo paralisado talvez seja porque o chão é frio me preocupa se acontecer de um desses subir na cama é complicado mesmo….

    Reply
  4. Minha gata amanheceu morta com a perna dianteira direita avermelhada e muito inchada. Nao foi mordida de cobra porque senao ela estaria toda inchada. Sera que foi o escorpiao amarelo? Eu moro em um sitio. Isso ocorreu ha cinco dias. 😢😢😢😢

    Reply
  5. Acabei de tomar uma picada de escorpião amarelo…Que dor dos infernos,parece que tem mil navalhas no meu pé e perna!

    Reply
  6. REGINA DO CARMO · Edit

    aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa eu vi um

    Reply
  7. Eu tava lavndo o banheiro ai a porta de madeira tava meio podre quando eu joguei agua ele caiu do lado do meu pé, ai eu n pensei duas vezes peguei um rodo e matei ele, eu durmo em um colchão no chao, fiquei duas semanas sem durmir direito
    :/

    Reply
  8. Jessilaine Apolinário · Edit

    Tô nem aí tô nem aí pode ficar com seu mundinho que eu tô nem aí sexta tu que não manda em mim escorpião não existe o me perdoe eu achei que eu tava mandando para outra mas eu sou uma seguidora do YouTube Tá bom então vocês me siga se tem r$ 400000

    Reply
  9. Guilherme D. Moltocaro · Edit

    2019: fui aguilhoado 2x por essa espécie. Doeu muito pouco, mas tive um pouco de sudorese e muita parestesia. Em poucas horas os sintomas desapareceram. O segundo acidente em menos de 2h meu corpo conseguiu neutralizar a peçonha. Fiquei feliz que foi comigo: há crianças e idosos por perto que poderiam morrer!

    Reply
  10. Minha mãe matou um que estava na toalha de banho,e aí ela foi pisar nele mas ela pisou de mal jeito aí ele picou ela,antes dele morrer

    Reply
  11. Fui picada por escorpião amarelo ontem e hoje já tomei analgésico, melhorou um pouco porém está dando choque no local da picada. É normal

    Reply
  12. Johnston Wallys · Edit

    Levei a picada de um a algumas horas. Fui para a urgência no hospital, tive suor excessivo, batimento acelerado e muita tontura. Levei uma injeção e tomei dois soros. 2 horas depois de ter sido picado e tomado os medicamentos, fiquei um pouco melhor.

    Reply
  13. Tinha um desses na varanda da minha casa . Eu estava lavando as mãos e quando olhei pra baixo estava ele lá , do lado do meu pé , ele estava parado ( talvez pronto para o bote ). Aí eu me afastei lentamente e peguei uma pedaço de madeira e o matei.

    Reply
  14. Eu amo ser mãe Weruska Lucia · Edit

    Tem que matar mesmo são pragas e venenos , ainda vem que gente dizer que não , depois morre uma criança ou idoso.

    Reply
  15. rapaz eu levei uma picada desse ar hoje d manha a cura pra esse veneno foi pinga eu tomei um dose de cachaça melhorou

    Reply
  16. Nada a ver matar, pra que ? Essa ai com certeza nao sabe o que ta falando, alem do rscorpeao ser um controlador de pragas e manter a população de baratas em ordem, serve de alimento para outros animais como as lagartixas, matar nao vai resolver, pega o escorpeao em um pote e leva para algum lugar longe, essa historia de matar nao vai resolver nada

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *